19 janeiro 2016

RESENHA | QUERIA VER VOCÊ FELIZ

SINOPSE: HÁ QUEM O CHAME de Eros, Kama, Philea ou Ahava. O Amor, esse personagem mítico, desempenha o papel de narrador na história real do casal Caio e Maria Augusta, pais da autora Adriana Falcão. O Amor se descreve como perfeccionista e obcecado pelos detalhes, nada que o impeça de ser um bocado descuidado com as consequências dos sentimentos que provoca com suas flechas.Assim, com uma linguagem poética e ao mesmo tempo muito bem-humorada, Adriana revela para seus leitores aquilo que poderia ser descrito como uma história trágica protagonizada por dois personagens atormentados por seus demônios. Apaixonados, Caio e Maria Augusta se casam no Rio de Janeiro da década de 1950 e têm três filhas. Todo o sentimento que eles compartilham não impede que a personalidade exuberante de Maria Augusta se torne mais obsessiva e asfixiante com o passar do tempo, apesar dos medicamentos e dos tratamentos psiquiátricos. Caio, por sua vez, aprofunda uma melancolia que existia nele desde a adolescência, e que culmina nos anos 1970 em tentativas de suicídio...
Autor: Adriana Falcão                 Edição: 2014 
Editora: Intrínseca                       Páginas: 157
Gênero: Biografia                         Nota: 5/5


Em dezembro do ano passado estava o moço e eu na loja Americanas para comprar uma fanta laranja quando resolvi dar uma passada na mini sessão de livros que eles tem, foi quando me deparei com vários livros por dez dilmas, minha reação foi a mais racional e normal possível, fiquei pulando e gritando de felicidades (sou dessas), e o moço me olhando sem entender nada. Vasculhei até a alma das pratilheiras e acabei escolhendo quatro livros e um deles foi o de hoje que assim que entrei no carro já comecei a ler. 
Já perceberam que sempre gosto de contar como consegui ou ganhei meus livros? É que isso os tornam ainda mais especiais para mim, espero que gostem dessa forma que escrevo, mas se não gostarem me avisem, esse cantinho é nosso, vocês sabem disso né?!
Queria Ver Você Feliz é um livro biográfico que conta a história dos pais da autora Adriana Falcão e de sua família. Um dia ela encontrou um baú florido e dentro havia inúmeras cartas, bilhetinhos, telegramas que sua mãe e pai trocaram durante a vida deles. E então nasceu a ideia de escrever um livro que contasse a maravilhosa e intensa historia de amor de Maria Augusta e seu amado Caio.
O livro é contado em primeira pessoa, e nosso contador é nada mais nada menos que o próprio amor, é esse mesmo que você está pensando, é o mesmo amor que te enche o peito, aquele que te faz perder longas noites de sono pensando em uma certa pessoa, é o seu amor que conta a história de dois adolescentes que se conheceram por culpa dele em meados dos anos quarenta no Rio de Janeiro.
A narrativa é maravilhosa, e talvez você deva estar imaginando que por ser narrado pelo amor a história deve ser mais um daqueles romances água com açúcar e apesar de ter momentos lindos e românticos, não posso dizer que esse livro é sobre isso.
Maria Augusta e Caio desde o começo tiveram um relacionamento turbulento tanto pelo ciumes que beirava a loucura dele, tanto pelo drama dela. E para ajudar esse amor ser daqueles merecedores de ter sua história guardada em um livro, a mãe da moça era contra o namoro dos dois, na cabeça de dona Tatiana mãe de Maria Augusta Caio era vagabundo logo não merecia sua filha caçula e tão amada. Mas esse contra tempo só fez o amor dos dois aumentarem e junto com ele o ciumes, e todo o resto. Para separar os enamorados todas as férias dona Tatiana mandava Maria Augusta para Porto Alegre na casa de seus parentes, ela pensava que dessa maneira seria mais fácil para os dois se separarem, mas isso só aumentava o amor dos dois. E  a maneira que eles encontravam de sobreviver a distancia era escrevendo cartas.
O amor (narrador) se intromete na história diversas vezes, chega ser egocêntrico, como ele mesmo fala em um dos capítulos, se gaba diversas vezes de ter o casal na palma de suas mãos.
As cartas são maravilhosas, as de Maria Augusta são cheias de sentimento e firulas, algumas vezes sarcásticas, na verdade sua maioria, já as de Caio por sua vez são objetivas, mas ás vezes ele se perdia nos próprios pensamentos. O fato de podermos ler os bilhetes, telegramas e cartas nos trás um ar de aproximação da história, da aquela sensação de que é algo que aconteceu com seu amigo, ou parente. No livro também tem fotos do casal e de sua família.

Como já era de esperar os dois se casam e tudo parece bem, eles tem uma menina chamada Rosina, e pouco tempo depois nasce a segunda menina chamada Patrícia, e é nessa hora que as coisas começam subir uma montanha russa sem volta. Maria Augusta começa a tomar remédios para perder peso, mas eles tiram o sono, e então ela toma calmantes, e como ainda trabalha no outro dia toma energéticos para se manter acordada, e isso se torna um circulo vicioso que atrapalha sua vida. Ela começa ter surtos cada vez mais frequentes até que chega o dia em que a família resolve interna-la em uma clinica psiquiatra e ela fica internada por volta de um mês. Nisso as cartas voltam a vida do casal, nelas são retratadas o dia a dia da moça na clinica e de Caio na sua jornada de trabalho com suas filhas pequenas.

Quando ela sai da clinica percebe que suas filhas se apegaram a dona Tatiana e isso faz ela querer te outro filho, um que fosse só dela e de mais ninguém e pouco tempo depois nasce Adriana (a autora) e a vida de Maria Augusta gira em torno da filha e a de Caio em fazer as outras filhas se sentirem amadas igualmente.
Maria Augusta foi uma mulher que amou intensamente Caio, ela era a rainha do drama, mas era feita de amor. Caio amou Maria Augusta na mesma medida se não mais me atrevo a pensar, ele tinha escondido em sua alma uma profunda melancolia que mesmo todo amor que tinha por sua amada e por suas três filhas puderam lhe salvar de si mesmo.

Eu realmente me apaixonei por esse casal, pela história de vida que juntos construíram, por todo amor que suas cartas me fizeram sentir. Diria que esse livro é um dos mais reais que já li sobre amor. A escrita é simples e comovente, retrata com detalhes um sentimento que de tão grande e intenso chegou a ser devastador. Acredito que esse livro não seja tão conhecido, por isso resolvi resenha-lo, pois ele é o tipo de leitura que todos deveriam conhecer.

Vou deixar a música preferida do casal Maria Augusta e Caio na voz de sua neta Clarice Falcão () e Gregório Duviver
Já conhecia esse livro? Gostou da resenha? Me conta.

90 comentários:

  1. Oi, Camila!
    Coincidentemente, li sobre este livro pela primeira vez hoje e fiquei encantada!
    A história deve ser avassaladora e amo livros assim, já está na minha wishlist!
    Adorei seu cantinho, é minha primeira visita aqui e já estou seguindo!
    Ps. a resenha ficou incrível e as fotos lindas, parabéns!
    Beijinhos,
    Alice
    www.wonderbooksdaalice.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Alice, quera agradecer pelo carinho.
      Espero que goste desse cantinho e volte sempre.
      Beijo

      Excluir
  2. Não conhecia o livro não, é uma temática diferente do que estou acostumada a ler, por ser meio que biografia, pelo que entendi, ao mesmo tempo que parece interessante para mim, não sei se ia gostar do estilo...não devo estar fazendo sentido nenhum né? hahahaha, mas se eu encontrar ele por 10 dilmas também, vou comprar hein hahahaha ahn e suas resenhas são maravilhosas <3.

    Beijos

    http://orangelily.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lilian sua linda, me senti no seu lugar agora, tenho muito dessa indecisão e ligeira confusão haha.
      Vou torcer para que encontre.
      Beijão

      Excluir
  3. Camila, que resenha maravilhosa!! Mesmo sem conhecer a autora, eu me interessei pela história de seus pais... Parece história de livro ou filme! Gostei bastante!! Se hoje com Skype, WhatsApp e FaceTime achamos difícil um relacionamento à distância, imagina na época deles, que as cartas levavam semanas para chegarem?? Eles devem se amar muito. E que legal quero livro é narrado pelo próprio amor! Acho isso tão poético...
    Beijos!
    http://virtualcheckin.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lívia a grande sacada foi essa do narrador ser o próprio amor, a história ficou maravilhosa. Olha as cartas demoravam muito pra chegar e isso fazia Maria Augusta ter seus ataques de dramas rs.
      Beijo e obrigada pelo carinho.

      Excluir
  4. Vi este livro por lá também, e vários títulos incríveis na promoção (como O Presente do Meu Grande Amor). Não sabia do que se tratava, mas parece muito fofo! Também não conhecia a autora, mas amei sua resenha! Um beijo : *

    www.fleurdelune.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa Le, eu fiz o arrastão lá nas Americanas e apesar de ter alguns momentos românticos a história é bema mais forte.
      Beijo

      Excluir
  5. Ah não sei, mas ao ler a sua resenha senti que tenho que ler esse livro, um amor realista.

    Outra coisa que amei que me chamou atenção foram as cartas e imagens,adoro livros assim.

    Beijão, www.cantinhob.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ingrid só te digo uma coisa leia que você irá amar.
      Beijão

      Excluir
  6. Ahh, que livro amorzinho!!
    E, antes que eu me esqueça de comentar, acho incrível você contar como adquiriu os livros, Camila! Dá um toque pessoal muito especial pra tudo ;)
    Agora sobre o livro, eu não o conhecia, mas achei muito legal a proposta da autora em levar a história de amor dos seus pais pro mundo. E o mais legal ainda: com um narrador muito diferente hahaha
    Sabe, eu sempre fui uma pessoa muito curiosa e sempre estava perguntando pras pessoas, seja elas pais das amiguinhas, vizinhas e etc, como que elas conheceram seus cônjuges, acho que eu já apresentava, desde pequena, esse aspecto de romântica incurável hahaha
    Enquanto lia a sua resenha só pensava nisso, e é por isso que acho que vou gostar desse livro!
    Tentarei achá-lo, e se for pelo preço que você pagou, melhor ainda! hahaha
    Beijoss
    www.vidaemmarte.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ha Kathleen morri aqui com seu comentário. E que bom que gosta da forma que conto sobre os livros.
      Olha eu faço parte do seu time das românticas incuráveis, não tem jeito kkk.
      Se conseguir ler me conta o que achou.
      Um beijão ♥

      Excluir
  7. Oi, Camila!
    Amei sua resenha, a diagramação do livro está linda, mas esse tipo de livro não faz meu estilo.
    Adoro quando vou na Americanas e vejo livros por dilmas baratas hahahah
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ha Lu, tem coisa melhor do que encontrar livros por dilmas?
      Só de pensar nisso já me deu vontade de ir nas Americanas haha.
      Beijão

      Excluir
  8. Adorei sua resenha ♥ Não conhecia o livro e confesso que biografias não me ganham muito, têm que ter aquele quê de especial, sabe? Mas gostei do enredo e procurei um pouquinho sobre a autora. De qualquer forma, parece ser interessante.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também não gosto de biografias Kelly, mas o livro inteiro parece uma história comum. A autora soube fazer tudo certo.
      Beijo

      Excluir
  9. Meu Deus do céu que livro lindo, resenha maravilhosa e fotos perfeitas! <3 Seguindo...

    garotoliterariio.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Camila, não conhecia esse livro, mas que linda é a diagramação dele! Acho que quando o livro é assim a história fica bem mais atrativa, né?

    Beijos,
    http://www.gemeasescritoras.com/

    ResponderExcluir
  11. Gente, que coisa mais fofa esse livro. Fiquei apaixonada pela história e muito interessada em ler. Adoro livros que contam histórias reais e que tenham imagens e cartaz pra nos fazer sentir que também somos próximos dos personagens, tipo familia mesmo. Adorei mesmo esse livro ♥

    Mergulhares | Blog

    ResponderExcluir
  12. Nunca tinha ouvido falar nesse livro,mas parece muito bom,acho que nunca li nenhuma história em que o amor fosse o narrador,então estou ansiosa pra achar e espero que seja barato tbm rsrs
    Beijos ^.^

    ResponderExcluir
  13. NÃO ACREDITO A SENHORITA PAGOU DEZ DILMAS NELE KKKKK

    to louca por esse livro, e da próxima que for nas americanas vou olhar as promoções hahah vai que....

    Amei sua resenha, e não vejo a hora de ler a história desse casal conturbado.
    Parece que a edição também não fica atrás né?!

    Um beijoo
    Paloma
    surewehaveablog.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa Paloma ele é um livro feito cheio de cuidado sabe?
      Vale muito a leitura.
      Beijo

      Excluir
  14. Que livro bonito! Não conhecia a autora (shame on me) e achei muito legal ela contar a história dos seus pais, e ainda mais interessante o fato dela usar cartas, bilhetinhos e fotos pessoais no próprio livro. Isso realmente faz com que a gente se sinta mais próximo dos personagens e imersos na leitura, né?
    E eu fiquei mais surpresa ainda em saber que a Clarisse Falcão é neta do casal, achei muito legal!
    Beeijo ♥
    http://www.daniquedisse.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, demorei um certo tempo até relacionar a nossa Clarice Falcão com a Clarice do livro, só final que caiu a ficha hahah.
      Beijo

      Excluir
  15. primeira vez que vejo alguem falando desse livro, a capa é linda, as cartas devem ser msm mt maravilhosas!!!

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como eu disse ele não é muito conhecido, mas espero que seja rs.
      Beijo

      Excluir
  16. Olá,
    mas que capa maravilhosa é essa?! Nunca tinha ouvido falar desse livro e sua resenha já me conquistou! Adorei a edição e do que se trata. Vai par minha lista, hahaha <3

    http://blogexplicita.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Olá, Camila.
    Eu achei bem interessante o narrador da história ser o amor. E a edição do livro parece estar linda. Mas infelizmente eu não gosto muito de ler livros de não ficção, então acho que não leria ele. Mas parabéns pela resenha, ficou ótima.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já eu não sou fã de livros de ficção, leitura tem dessas coisas né.
      Beijão Sil

      Excluir
  18. Oi, Camila! Tudo bem? Eu amo a capa desse livro! <3 E estou babando por essa edição! Sempre tive uma certa vontade de ler "Queria ver você feliz", mas sua resenha aumentou minha vontade, me convenceu e me fez perceber que eu preciso ler o livro o mais rápido possível! :)

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Confesso que quando o escolhi também fui convencida pela capa rs.
      Mas o livro inteiro é lindo.
      Beijo

      Excluir
  19. Oii, na entrada da loja Americanas deveria ter um aviso escrito "Atenção: Não entre na loja sem dinheiro" porque realmente é uma tentação. São tantas coisas maravilhosas que eu nunca saio sem levar pelo menos uma.
    Bjs,
    Bipolaridades

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, e o livro parece ser um amor. Adorei a capa (sim, eu julgo um livro pela capa) <3

      Excluir
  20. Oi, Camila, tudo bem?

    Eu conheci esse livro ontem através de uma outra resenha e fiquei encantada!
    O que mais chamou minha atenção foi o fato do livro ser narrado pelo amor. Achei a ideia muito bonita e original.
    A diagramação do livro está linda demais e bem intimista, né?

    Esses livros por R$9,90 das Lojas Americanas deveriam ser proibidos! Quando eu tenho que entrar lá para comprar algo eu faço todo um processo psicológico de foco antes! hahahahahahah

    Beijo
    - Tamires
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    Beijo
    - Tamires
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu, hein...os links foram duas vezes! Releve! hahaha
      ;)

      Excluir
    2. Sei como é isso. Quando estou sem grana eu nem passo perto das Americanas porque se não é choro na certa. Hahhaha
      Beijo

      Excluir
  21. Pelo que eu li na sua resenha o livro é incrível. Adorei a proposta de ser narrado pelo Amor e contar um romance real, além das cartas que dão um toque mais intimistas.
    Beijos

    http://luadefevereiro.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha eu particularmente amei esse livro.
      Beijo

      Excluir
  22. oi, oi.

    ain, que livro mais fofo! não conhecia, mas já quero e preciso, principalmente porque envolve Porto Alegre pelo meio (e eu amo aquele lugar, mesmo sem nunca ter ido!). acabei de adicionar o livro na listinha. <3

    sobre continuar contando com a história da compra das livros, continue. super me identifiquei com essa, pq eu sou oloko da Americanas. tbm reviro até a alma das prateleiras. hahahaha!

    bjs!
    Não me venha com desculpas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom saber que gosta das minhas historinhas antes RS.
      Beijo

      Excluir
  23. Estou dando esse livro como parte de um sorteio em parceria com outras blogueiras. Amando ver resenhas deles. *_*

    Beijos,
    Postando Trechos

    ResponderExcluir
  24. Oii Camilla, tudo bom?
    Parece ser uma história muito linda mesmo e bate logo aquela curiosidade ao saber que a história foi escrita pelo próprio amor <3 e vendo você falar tão bem do livro bate logo aquela vontade. Porém já tive tantas decepções com livros que são escritos em formato de cartas que me dá um pouco de receio D: mesmo assim irei colocar na lista ♥
    Estante de uma Fangirl

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha Dani esse tem uma pegada bem diferente dos que li recentemente.
      Quem sabe ele te conquiste também rs.
      Beijo

      Excluir
  25. Oi Camila, tudo bem?
    Não conhecia o livro e parece ser bem diferente do que estou acostumada a ler.
    Não gosto muito de biografias, mas já me apaixonei pelo fato das cartas e das fotos <3 Esse tipo de recordação acabada comigo hahaha
    E adorei ver como você gostou do livro, como ele te conquistou!
    Parabéns pela resenha.
    Beijinhos

    Galáxia dos Desejos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ha espero que de uma chance para esse livro Mari.
      Beijo

      Excluir
  26. Eu gosto de livros escritos na primeira pessoa, me faz eu me sentir na pele do personagem e ainda se passa no Rio de Janeiro, gostei. Estou me sentindo uma ignorante por não conhecer esse livro, porque a história parece ser bem boa. A voz da Clarice Falcão é muito boa de ouvir, adoro! Gostei da indicação/resenha de livro.

    Beijos!
    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
  27. Caramba, que incrível! AMO BIOGRAFIAS, amo livros em primeira pessoa, amo histórias que inspiram com pontos reflexivos englobados. Já estou babando e querendo. Adorei a resenha!

    SEMQUASES.COM

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Há que delícia saber que gostou Vanessa.
      Beijão

      Excluir
  28. Oi Camila,
    Seu blog é lindo.

    E menina, amo essas promoções que a Americanas faz. Já comprei quase todos os livros do Dan Brown lá, mas a edição era diferente..mas poxa 10 dilmas...quem se importa? HAHA

    Fiquei maravilhada com esse e o desenvolvimento da autora.
    Pelas fotos a diagramação está lindamente atrativa. Adorei.
    Pretendo caçar lá quando puder. HAHA

    Tenha uma linda quarta. =D
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nana muito obrigada.
      Há menina as americanas é a melhor coisa da vida hahhah.
      Beijo

      Excluir
  29. Nossa, que incrível!
    Não conhecia esse livro e admito que lendo teu post, eu simplesmente me apaixonei <3 , Preciso ler.

    Beijos
    www.20-primaveras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  30. Anônimo Anônimo disse...
    Eu vi uma entrevista da Adriana quando ela estava lançando o livro e fiquei louca para ler.
    Comprei logo no lançamento e li de uma tacada só.
    A história é mesmo uma delicia.. Acho que é impossível não se envolver com a história dos dois, sentir a intensidade do amor que um tinha pelo outro...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Demorei um pouquinho para conhecer esse livro, mas que bom que descobri.
      Beijo

      Excluir
  31. Moça, depois dessa resenha tô apaixonada por esse livro! E não tô acreditando que foi tão baratinho assim *0*

    Indiquei pra você uma tag literária, se quiser responder ;D
    - Entretanto -

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ha fico mega feliz que mais pessoas estão querendo ler essa preciosidade.
      Beijo

      Excluir
  32. Olá, Camila!
    Vim retribuir seu comentário lá no LpL, e me deparo com essa resenha linda! Só pelas coisas que você contou, já fiquei apaixonada pelo livro, e doida pra ler! Quero muito conhecer os detalhes dessa história fofinha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lethycia espero que encontre e que curta tanto quanto eu.
      Biejo

      Excluir
  33. Ooi. Não sou muito de ler livros de não-ficção e quando se trata de biografia (ou autobiografia) eu prefiro de alguém que eu já conheça e admire. De qualquer maneira gostei da diagramação do livro, pelas fotos ele mais da a impressão de ser um diario mesmo do que simplesmente um livro comum. Beijos
    SIL ~ Estilhaçando Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não curto biografias também, mas esse livro me apresentou um conceito diferente.
      Beijo

      Excluir
  34. Oi, Camila!
    Nossa, moça! Eu não sabia da existência desse livro e fiquei encantada com a premissa e mais encantada ainda pela sua resenha. Acho lindo essas historias de amores que são repassada em palavras mesmo depois de muito tempo. Amei, quero.
    Beijos!


    Borboletas de papel Ƹ̴Ӂ̴Ʒ

    Conheça o novo projeto literário #12HistóriasBrasileiras e participe!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ha Aline eu imagino que poucas pessoas o conheçam, mas que bom que gostou.
      Beijo

      Excluir
  35. Oi, Camila! Muita coincidência termos postado a resenha desse livro praticamente ao mesmo tempo, né?! Também cheguei até ele muito por acaso, mas sem dúvida é uma história que vai ficar marcada pra sempre.

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Carla, quase não acreditei quando vi que postou sobre ele também, mas isso em encheu de alegria rs.
      Beijo

      Excluir
  36. Acho que ainda não tinha visto um livro com esse formato, achei um modo bem interessante de se contar uma história real. Fiquei curiosa para lê-lo, vou adicioná-lo à minha lista de leitura.
    Beijos
    Bluebell Bee

    ResponderExcluir
  37. Olá, camila, tudo bem?

    Que gracinha de resenha nossa *-* adorei a historia do livro, o fato da historia dos dois serem reais e o que torna tudo mais bonito! Você percebe que mesmo empecilhos que foram surgindo em volta dos relacionamentos deles, eles não desistiram! Realmente uma historia de amor e tanto! Espero ler o livro um dia, me apaixonei pela premissa dele e sua resenha não ficou para trás claro!

    Beijinhos

    http://resenhaatual.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  38. Ah, que ideia bonita a desse livro, amei que ela publicou as cartas dos dois, acho carta algo lindo e muito representativo do amor mesmo. Fiquei bem interessada nesse livro!
    Beijo
    Mari
    http://www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
  39. Aaah gente mas estou imaginando você aos gritos na loja quando viu os livros por R$ 10,00! Hahaha, que delícia, eu também adoro quando isso acontece!

    Antes de mais nada: eu bem que desconfiei que Falcão da autora tinha alguma coisa a ver com a Clarice. Sei lá, acho que só pelo sobrenome mesmo, não que elas se pareçam ou algo assim!
    Achei muito dez que a ideia da autora tenha funcionado né? Talvez mais pelo fato de o narrador ser o amor do que a história em si (posso estar enganada mas poderia ser a história de amor de tantos outros casais). As cartas e fotos no livro também dão veracidade às palavras de Adriana!!

    Gostei da sinopse e adorei sua resenha, foi bem explicada!
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente Jessica, o fato dela ter jogado com esse lance do amor e ter dado certo foi maravilhoso.
      P.S: Babando que você passou por aqui. ♥
      Beijão

      Excluir
  40. Não conhecia o livro, mas me encantei bastante com a premissa e também com os detalhes tanto internos como externos, encantada!
    Ótima resenha,
    Beijos
    http://meusdespropositos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  41. Eu li esse livro em ebook e confesso que eu detestei rsrsrs Sério, inclusive fiz a resenha dele. Depois fui nas americanas e ele estava lá e não conseguir nem querer comprar. Mas como eu disse lá no blog, sabia que alguém ia se gostar muito dele!
    Beijos!!

    http://www.morgannacastro.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gosto vária muito de pessoa pra pessoa né.
      Eu amei. ^^

      Excluir
  42. Esse livro é de uma delicadeza tão grande, e o talento de família Falcão é incrível, me adotem! Hahaha
    Ps.: Parabéns pela parceria com a Novo Conceito, você merece e com certeza eles não erraram na hora de te escolher <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele é um encanto.
      E muito obrigada pelo carinho de sempre. <3

      Excluir
  43. Amo romances filosóficos <3
    Adorei a indicação e me interessou muito a leitura. Adicionei na minha lista do skoob até <3
    | Sorteio do livro: "Como ter uma vida normal sendo louca" |
    | FB Page A Bela, não a Fera|

    ResponderExcluir
  44. Nossa, Camila! Nunca ouvi falar desse livro, estou em imensa falta com autores nacionais. Me apaixonei por essa resenha e tenho certeza que irei me apaixonar por essa história. Gosto muito de biografias, principalmente quando envolvem cartas e bilhetinhos. Já anotei no meu caderninho de desejos!
    Obrigada!
    Um grande beijo.
    Fê Cardoso
    http://www.baseadoemlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Há Fê que bom que gostou, espero que a leitura seja leve e agradável.
      Um beijo

      Excluir

Germine aqui um pouco de amor. ♥