10 setembro 2015

ÁS VEZES O ADEUS PEDE PRA FICAR


Havia tanto a ser dito, no entanto apenas o barulho da colher mexendo o café era escutado. Ele a olhava como se quisesse pega-la no colo e curar-lhe a ferida que acabara de abrir. Ela se segurava como podia para não deixar suas gotas de mar cair em seu café.
Ela sempre imaginou que esse dia chegaria, na verdade desde a primeira vez que pôs os olhos sobre ele ficava imaginando como seria o adeus. Alguns diziam que ela era masoquista que gostava de sentir dor. Mas seu coração era frágil demais para aguentar qualquer partida, por isso tentava perde-lo um pouco a cada dia, dessa maneira acreditava que a dor não a destruiria por completo.

Mas lá estava ela quebrada em mil pedaços no chão da cozinha pensando como seria sua vida após ele fechar a porta da sala. Pensou como seria o último abraço aquele que ao invés de trazer conforto e acalento traria um aperto de tirar-lhe qualquer resquício de felicidade existente.
Imaginou como seria o dia seguinte após acordar atrasada porque ele não estaria lá para acorda-la com um beijo doce, pensou que não teria tempo de tomar o seu café e que também não valeria sentar-se a mesa sozinha. Pensou o quanto seu dia seria improdutível e o quanto não se sentiria mais parte de nada, porque ela era feita dele
Pensou que daqui alguns anos estaria no cargo que sempre quis, que compraria o apartamento dos sonhos, teria amigos desde a época da faculdade, estaria casada com aquele cara não tão cobiçado, mas de fato um bom partido teria um filho com ele.
De repente em uma tarde calma ela o reencontraria em um desses encontros casuais e tudo aquilo que havia sido “esquecido” estaria ali bem diante de seus olhos, então pensaria como sua vida estava e de como as qualidades tão desejadas nele não havia no cara que tinha escolhido e que seu filho também não teria aquelas sardas que ela tanto queria. 

Ela voltou a mexer a xícara se controlando com mais dificuldade, levantou os olhos e quase falou. Ele foi até a porta, mas quando a olhou por um instante pode ver um futuro que não existiria ela para colorir seus dias tão cinzentos e percebeu que não era certo ser metade sem ela.
Fechou a porta e a abraçou como se quisesse guarda-la. Ali em silêncio voltaram a ser completos.

28 comentários:

  1. Que texto mais lindo Cami, um pouquinho de esperança para minha manhã! <3

    ResponderExcluir
  2. Awn, um pouquinho de amor na minha manhã, e de esperança também, como disse a Gab ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou e que assim como a Gabi seu peito recebeu alguns raios de esperança. ♥
      Bjo

      Excluir
  3. Aaah que lindo *-* o texto todo foi me dando um aperto no coração e no fim o alívio.

    ResponderExcluir
  4. "Em silencio voltaram a ser completos" perfeito Camilla... Até por que tem horas que o silencio fala muito mais, e muito melhor que qualquer palavra. Lindo texto...Como sempre.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou fã dos silêncios Thato, gostoso é quando tudo fica mudo e mesmo assim a gente sabe.
      Bom te ver por aqui.
      Beijos

      Excluir
  5. meu coração gelou do começo ao fim, mas um texto maravilhoso e tocante <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha, o amor tem dessas coisas né. Nos desmonta e depois nos reconstrói melhor.
      Que bom que gostou Rhu.
      Beijo ♥

      Excluir
  6. Que aflição rsrs, no começo quase me desmontei toda , mas no fim deu um alivio e como muito gente falou nos comentários , um pouco de esperança para meu dia <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahha parece que todos sentiram a mesma coisa né?!
      Que bom que gostou.
      Beijo moça.

      Excluir
  7. Quem linddooo,para deixar minha noite um pouco mais apaixonante em kkkk
    Gostei bastante *-*
    Bjnhs

    http://karoline-o-meu-melhor.blogspot.com/2015/09/cachoeira-do-tempo.html

    ResponderExcluir
  8. Aai que coisa mais linda! "Pensou o quanto seu dia seria improdutível e o quanto não se sentiria mais parte de nada, porque ela era feita dele" E essa frase? Achei incrível. E assim como pra todos dos comentários acima, esse final foi O alívio pra mim hahaha. <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mari sua linda, fico sempre feliz quando te vejo por aqui.
      Acredito que casais de verdade sejam como este, porque amor de verdade fica mesmo querendo partir né.
      Fico feliz que tenha gostado.
      Beijos♥

      Excluir
  9. Aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaawn. Um final feliz <3 É disso que eu gosto! De quando as pessoas percebem, bem em cima dessa linha que separa o adeus do pra sempre, que tudo pode ser lindo e colorido se a gente se aceitar e dar mais uma chance. No fim, é bom saber que ela continuará acordando com o beijo doce dele!

    <3 <3 Muito amor aqui, Cami!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rê, penso que nem você ás vezes tudo pede pelo fim, mas sempre tem aqueles casais que entenderam que amar é lutar, é insistir em um final feliz.
      Muito amor com seu comentário. ♥
      Beijo

      Excluir
  10. Ai, ai, meu coração! <3
    Amo finais felizes, e principalmente quando eles quase chegam numa despedida. Sou fã de casais assim! Acho que eles são os mais verdadeiros, pois aprenderam que sem o outro são vazios, não são nada!

    Amei esse texto <3
    Beijinhoos :**
    http://queridaasmemorias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Layla casais que chegam no limite de cruzar o adeus sabem o valor que tem o segurar mão, o ficar junto de bobeira.
      E que bom que você gostou linda.
      Volte sempre ♥
      Beijos

      Excluir
  11. Adorei o texto!
    Muito bom mesmo!
    :)
    www.adivinhahoney.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Que lindo o texto! Por um mundo onde mais despedidas terminem assim <3

    http://taianebarboza.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Texto maravilhoso e surpreendente. Uma dose de amor e esperança <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que no fundo todos nós precisamos de um pouquinho de esperança.
      Beijo

      Excluir
  14. Dessa vez, sem um comentário muito elaborado, só deixando meuccarinho aqui para avisar que estou passeando pelos seus textos antigos.
    E esse aí foi para me destruir né? Admite! rs beijo

    ResponderExcluir

Germine aqui um pouco de amor. ♥