21 agosto 2015

É O QUE TEM PRA HOJE?


Estamos em reta final do Beda e pergunta como estou? Cansada, mas não é qualquer cansaço daqueles que uma boa noite de sono resolvem e no outro dia você acorda bem, juro que pensei que fosse esse o caso, mas não é. E como descobri? Simples, ontem após chegar do serviço (eu trabalho gente, talvez vocês não saibam) deitei e não consegui levantar, e nos meus cálculos foram 13 horas de sono, um pouco interrompidas pelos filhos, por vontade de ir ao banheiro, pela gritaria do circo, pelo marido verificando se eu continuava respirando, enfim se tirar tudo isso então foram 12 horas, o suficiente para uma pessoa recuperar as forças para um novo dia certo? Só que não foi o que aconteceu.

Tenho alguns post salvos nos rascunhos o que seria muito simples escolher algum deles e postar aqui no blog, e até pensei em fazer isso, mas depois pensei que não seria legal. Todo post que vocês lêem aqui foi escrito, revisado e pensado com muito carinho, não foi algo aleatório que fiz só pra encher linguiça (minha fala muito isso), e quem está acompanhando desde o começo do Beda lembra que eu disse que os conteúdos não iriam cair e também não postaria nada apenas para cumprir metas (imposta por mim). Acredito que quando escrevemos é claro que temos o desejo que nossas palavras falem, toquem ou despertem algo em quem irá ler, mas sou daquelas que acredita também que primeiramente tem que falar com quem escreveu, tem que fazer sentindo para mim. E hoje não faria sentindo nenhum eu colocar algum texto que não falasse primeiramente comigo. Tá dando pra entender, ou estou confusa (não sou boa em explicações)?

E só estou aqui falando tudo isso porque o blog é um pedaço, ou melhor, uma grande parte de mim, e sendo assim não seria certo eu só mostrar o lado legal, feliz, e divertido da Camila, porque não sou assim o tempo todo, e não conheço ninguém que seja. Por isso resolvi dizer que hoje, não estou legal. Continuo cansada tanto fisicamente como mentalmente e isso não se deve ao blog que isso fique bem claro, é o cansaço normal da vida de adulto (espero que seja). E sei que é chato e que ninguém precisa ficar lendo sobre meu cansaço, mas foi isso que saiu aqui de dentro, desculpas se não era o que esperava pra hoje, e se serve de consolo também não era o que eu esperava.

Hoje antes de ir para o trabalho resolvi dar uma olhada nos post antigos aqui do blog (alguém mais faz isso?) e encontrei um texto que fala muito sobre o que estou sentindo hoje, o que me deixou assustada porque me fez pensar que fico nesse estado de canseira muitas vezes. E o pior é que dessa vez não é TPM, vou deixar o link aqui em baixo para quem estiver interessado. Espero que entendam, e se alguém também já se sentiu assim, ou se sente deixem aqui nos comentários só para eu sentir que sou normal e que tudo bem se sentir assim ás vezes.


22 comentários:

  1. O Beda cansa mesmo, fazer parte dele é um desafio, mas você esta se saindo muito bem, não desiste que ja esta no fim
    beijos, Um Mundo Em Duas 

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mariana é verdade o Beda cansa, mas como disse nem é por ele que estou cansada, é mais o acumulo de coisas entende?!
      Obrigada viu ♥
      Beijos

      Excluir
  2. Cami, eu também tenho várias épocas que me sinto assim. No momento, por exemplo, estou muito cansada. Ando tendo provas, relatórios e trabalhos sem fim na escola, mas muitos mesmo! Mal tenho tempo pra ficar no blog e visitar outros blogs, e estou exausta psicologicamente e fisicamente também. Ontem finalmente consegui descansar de tarde, dormi a tarde toda e hoje ainda dormi muito, pra ver o quanto tenho que recuperar. Tô num momento que não vejo a hora do mês que vem chegar, porque sei que tudo vai estar mais organizado. Tem dias que a gente se sente tão cansada que realmente não tem vontade de fazer nada. Até tem, mas não sai.
    Eu também tenho costume de ler textos antigos do meu blog, vivo fazendo isso! E é incrível como cada momento que a gente passa faz a gente escrever de uma maneira. Também passamos por várias fases, como tu disse que notou que se sente várias vezes assim. Eu também sinto.
    Amei o outro texto também, falou tudo o que eu penso!
    Beijos, Mari.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa Mari, obrigada por me fazer sentir normal.
      Ás vezes ficamos assim e chegamos até nos culpar né?
      Obrigada de coração, saber que não sou a única a passar por dias assim e que realmente tudo bem se sentir assim fez um bem danado.
      E espero de coração que as coisas realmente se acalmem para você também.
      Beijos e mais uma vez obrigada♥

      Excluir
  3. Oi, tudo bem?!

    Acho que é normal do ser humano às vezes se sentir cansado. A correria do dia a dia nos proporciona isso, imagina então com o desafio do BEDA, de produzir posts, acompanhar outros blogs, trabalhar e... Não somos uma máquina.

    Achei legal o teu desabafo, porque realmente mostrou como você está se sentindo. Tenho certeza que pra ti não faria sentido postar algo só pra não ficar sem nada.

    Adorei aqui! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adriel me abraça?rs
      Sério, muito obrigada pelo carinho e compreensão de fato não somos uma máquina né?!
      E ás vezes precismos que alguém de fora nos lembre disso.
      E fico muito feliz que tenha gostado do blog, e espero que volte sempre.
      Beijos

      Excluir
  4. Acho que isso é bem normal... Nós não somos máquinas né? Não conseguimos viver a todo vapor 24h por dia, 7 dias por semana. Tem horas que cansa mesmo... Acho que nesses momentos é super válido se dar um tempo para respirar, limpar os pensamentos e aí recuperar as forças para começar de novo :) Me sinto assim também as vezes, acho que é normal. Já já passa, vc vai ver :D
    Bjss

    http://www.estrelaminha.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Jéssica, e sim uma hora as coisas tende a melhorarem né?!
      E teu conselho é realmente necessário dar uma pausa para se recuperar de vez em quando é preciso.
      Beijos e obrigada.

      Excluir
  5. Todos temos o direito de tirarmos um tempinho para nós. Nem que seja para dormir!
    É mais do que normal sentir-se cansada, quando tem o blogue, um emprego e uma casa para gerir. Por muito que gostes de fazer o que fazes, inevitavelmente, vai haver aquele dia em que as forças se esgotam e é preciso voltar a recuperá-las.
    Neste momento estou de férias, mas em tempo de faculdade sinto-me muitas vezes assim. E não faço metade do que você faz! Vamos lá ver quando chegar a minha vez de ter tanta coisa para fazer, ahah!
    Muita força! Beijo *

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que se não tirarmos esse tempinho pra nós aí sim que as coisas tendem a complicarem.
      E sabe que ás vezes acabo me esquecendo que faço tantas coisas assim, e sempre me cobro muito. Acredito que seja esse meu maior problema.
      Obrigada Patrice por todo o carinho. ♥

      Excluir
  6. Camila, chega uma hora de todas as obrigações do dia "pesam", imagina um cansaço mental e físico combinados então? É de derrubar qualquer um, rsrs. Fique tranquila, o Beda é um desafio sim, nos desafia á ser melhor, a produzir, a estar ligado e ativo... não é fácil, não, pode se sentir cansada mesmo, rs
    Eu ainda não participei do Beda, mas vejo as meninas "firmes e fortes" nos posts. Só blogueira sabe :)
    Mas é gratificante no final, você só vai precisar descansar o dobro no mês que vem, hahaha
    Mais noites de 12 horas pra vc!!!
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por mais noites de 12 horas é exatamente isso que preciso Elza, e graças a Deus tenho um moço que super me ajuda quando estou querendo jogar tudo pelo ares. E posso dizer? Vim aqui no blog e desabafar e ter pessoas maravilhosas que não só me entendem, mas como também me ajudam a passar por essa bad me faz muito bem.
      Obrigada sua linda. ♥

      Excluir
  7. Não digo que seja um momento que as pessoas adultas tem. Eu pelo menos, tenho 15 anos (Em Outubro faço 16 em, Cams? Me mande um presente. Obrigado! kk ♥) e tenho momentos de felicidade, zoeira, bagunça (até porque esse é meu jeito), mas tenho momentos também que me sinto assim, como você descreveu, cansada. Não sei se é pela correria (que vocês adultos insistem em dizer que não é nada kk) de escola, trabalhos de matérias chatas, postar no blog/fanpage/insta/twitter ou pelos pensamentos negativos, pelas palavras de má fé que ouvimos diariamente e guardamos dentro de nós e essas coisas vão sendo acumuladas, chega uma hora que já nos esgotamos, que emocionalmente e fisicamente não suportamos mais, e aí que temos que tirar um momento pra nós, deitar a cabeça no travesseiro, refletir, descansar/tirar uma soneca/nanar, recuperar nossas energias e como diria minha querida Clarisse: colocar a roupa de viver.
    Beijinhos, liiiinda. ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isa sua linda me abraça e promete que demora pra soltar?
      É verdade eu aqui falando de gente grande como se sentir cansado fosse algo exclusivo só nosso, mas sei bem que não é, já fui novinha(ahhaha) e também tive momentos assim, pra ser sincera acho até que era mais intensos, porque na adolescente ainda não temos como nos polpar de muitas coisas né?!
      Obrigada por me lembrar que todos, mas todos mesmo estamos sujeitos a esses sentimentos não tão floridos em nossas vidas.
      E sobre seu aniversário pensarei no caso viu rs?!
      Beijão sua linda.

      Excluir
  8. "Acredito que quando escrevemos é claro que temos o desejo que nossas palavras falem, toquem ou despertem algo em quem irá ler, mas sou daquelas que acredita também que primeiramente tem que falar com quem escreveu, tem que fazer sentindo para mim." Concordo plenamente com você. Você tem uma vida corrida e fazer o blog tem que ser algo que lhe dê prazer e cumprir suas metas apenas por cumprir pode te dar a sensação de que você é capaz, sim, mas ao mesmo tempo não ter o efeito que deveriam ter com relação a algo que você curte fazer. Descanse MESMO!

    Beijos.
    Seguindo o blog.
    http://postandotrechos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, que bom mais pessoas entendem e pensam da mesma forma.
      Beijos

      Excluir
  9. Cami, não se desculpe por por falar o que está precisando ser dito, é justamente por isso que escrevemos, não é? Nos expressar, aliviar o nosso sentimentalismo exagerado... (acho que é assim com você também). Entendemos você, muitas de nós também se sentem assim eventualmente, com mais frequência do que a gente pensa. Estou tentando ir diferente dessa vez, me agarrar as coisas boas que estão acontecendo, embora na balança, as ruins e exaustivas sempre pareçam mais pesadas, mas quer saber? Elas não são. Cami, acompanho você a pouquinho tempo, mas em cada palavra sua tem um pedaço seu e sabe do que mais? A gente gosta de todas elas e pode crer que isso vai passar. Se não estiver sentindo-se confortável em postar algo que não seja o que está sentindo, não poste. Faça por amor, porque sente que quer fazer, senão qual sentido? Só para você saber, seus textos são incríveis e não, você não é a única a ler os antigos rs; eu, na maioria das vezes, até prefiro meus antigos do que os novos haha, só consigo gostar mesmo do que escrevo, um tempo depois quando releio, estranho, mas é.
    Estamos aqui mandando mil e um milhão de positividade para você <3 Um beijo!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sobre aquele dia que as pessoas lindas tiram pra te surpreender da melhor forma possível: Não sei lidar.
      Queria poder dizer o que estou sentindo neste momento e apesar de ser muito boa com as palavras, juro que não consigo explicar e definir o bem que você e todos os outros estão me fazendo.
      Só posso agradecer por todas as pessoas maravilhosas que a blogosfera me trouxe e as que estão na minha rotina me aguentando diariamente, obrigada do fundo do meu coração.
      E pode ter certeza que recebi todas as energias.
      Beijos sua linda ♥

      Excluir
  10. A famosa "bad" sempre nos atinge desprevenidos e sem uma hora marcada, então não precisa de forma alguma se desculpar for escrever o que sente, é para isso que está aqui, é para isso que escreve seus textos, suas cartas. Acredito que nossa escrita seja uma forma pública de conseguirmos demonstrar sentimentos sem nos chamarem de brega ou seja lá o que for. Se você não está bem, não precisa mostrar o oposto, ninguém é de ferro. Seu blog é maravilhoso e tem um conteúdo ótimo, consegue-se sentir cada palavra que escreve. Tudo bem se sentir assim as vezes. TUDO BEM SIM. Espero que fique bem e que volte com a toda energia positiva daqui a pouco ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kelly sua linda obrigada por toda força e carinho viu.
      E sim agora sei que realmente tudo bem não estar naquela vibe legal todos os dias. Ninguém é de ferro né, e nem precisa ser.
      Obrigada de coração por toda positividade, vocês todos trouxeram raios de alegria para o meu dia hoje.
      Beijos

      Excluir
  11. Que bom que gostou das músicas e do texto! É tão bom receber comentários como os seus! ♥
    Um óptimo fim de semana!
    Beijo *

    ResponderExcluir

Germine aqui um pouco de amor. ♥