domingo, 30 de agosto de 2015

DIA 30 DE AGOSTO, UM DIA ESPECIAL


Hoje é domingo, e aqui no blog quase sempre (por causa dos meus hiatos) eu indico algum filme bacunudo que assisti e gostaria que o mundo inteiro assistisse também, e para esse domingo eu já havia pensado qual postaria aqui. Acontece que me dei conta que hoje é 30 de agosto, e daí Cami, o que tem demais nesse dia? Simples, hoje é o Dia Nacional da Esclerose Múltipla. Se você está chegando no nosso cantinho agora vou te explicar melhor o porque esse dia é tão importante para mim, mas se você nunca ouviu falar sobre a E.M, vou deixar um breve resume do que seria.
A esclerose múltipla é uma doença autoimune que afeta o cérebro e a medula espinhal (sistema nervoso central). Isso acontece porque o sistema imunológico do corpo confunde células saudáveis com "intrusas", e as ataca provocando lesões no cérebro. O sistema imune do paciente corrói a bainha protetora que cobre os nervos, conhecida como mielina.
Pessoas com casos graves de esclerose múltipla podem perder a capacidade de andar ou falar claramente. A esclerose múltipla pode ser difícil de diagnosticar precocemente, uma vez que os sintomas aparecem com intervalos e o paciente fica meses sem qualquer sinal da doença.
Agora talvez a pergunta seja por que estou postando sobre uma doença aqui no blog, doença que não tenho (em termos). Quem acompanha o blog a mais tempo sabe que tenho uma amiga, a Marina que foi diagnosticada com a E.M., e minha vida apesar de não ser comigo também mudou quando a dela mudou. Hoje é um dia extremamente importante pra ela, logo hoje é um dia importante para mim, e por isso o post de hoje vai ser pra ela.


Marina,
Lembro o dia que meus olhos te viram pela primeira vez como alguém que queria na minha vida, você sempre cheia de luz e alegre, com um cara magrelo a tira colo. Pensei comigo "poxa, Senhor. Queria tanto ser amiga dessa guria.", e então no tempo certo Deus concedeu o desejo do meu coração, obviamente não nos tornamos amigas de uma hora pra outra, isso foi algo que cultivamos, e regamos diariamente, o que não ajudava muito é o fato de morarmos longe (uma droga essa distância), então não estávamos tão próximas quanto gostaríamos. E então chegou o dia que você foi super linda e me convidou para ir na sua casa, e o meu super combo né. Foi um mês de expectativa (para você também?). Nisso eu já sabia da sua doença, e de algo dolorido que havia acontecido a pouco tempo em sua vida.
Lembro daquele dia como se fosse ontem, nós perdidos na Mooca, um sol dos infernos, o Heitor querendo ir ao banheiro, eu desesperada pensando que ele fosse fazer xixi ali no carro, o Tiago nervoso comigo, e eu só querendo chegar. Quando finalmente te encontrei, lembro que te dei um abraço apertado, não tão apertado como gostaria. Esse foi um dos melhores dias da minha vida (juro, juradinho). Acredito que foi ali no meio de uma conversa simples, entre sorrisos e Coca-Colas que a gente se transformou no que somos hoje.

Ma, com você aprendi o que é essa doença chata, aprendi que nem todos os dias você está bem, aprendi que seu corpo não reage como antes, que seu humor oscila mais do que a bolsa de valores do Brasil, que apesar de não poder Coca-Cola é o que põe um sorriso nesse bico. Que sair é cansativo, que trabalhar dá um trabalho sobre natural. Que cachorros te fazem feliz, que o Zé vai direto pro céu, que amigos são amigos independente da distância, que amizade boa é aquela sem cobrança, é aquela te acrescenta, é aquela que te entende, mesmo não concordando. Aprendi que posso te amar cada dia mais, mesmo achando matematicamente impossível.
Aprendi que somos mais parecidas do que gostaria que fossemos, que meu blog preferido é sobre uma certa esclerosada que resolveu dividir os desastres do seu dia dia de uma forma leve. Aprendi que quem te ama de verdade acredita no seu potencial, mesmo quando tudo diz o contrário, e se hoje tenho o Te Conto Poesia devo muito á você.

Bom, sei que hoje é um dia extremamente especial pra você, por isso acho justo que seja para mim também, e hoje o post é seu. Ele é pra dizer cara como te amo, e queria muito estar aí pertinho de você (meleca de distância), e que ainda vou comprar uma barraca e me mudar pra sua garagem, aprenda a dividir o Wi-Fi.. Hoje quero que você perceba o tanto que cresceu, e o tanto que sua vida atingi outras. 
Meu desejo é que esse dia seja comemorado mais a frente pela descoberta da cura da Esclerose Múltipla e que possamos comemorar tomando um copo grande de Coca-Cola, te amo. Cambio Final.

4 comentários :

  1. Acabei de descobrir sobre essa doença, que até então eu nem sabia da existência, mas algo é certo: maior que tudo isso é o quanto você a ama e admira e que uma grande amizade vocês tem (percebi pela parte que conta da distancia e do carro -que eu ri-).

    www.blogtodagarota.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Isa, nada é mais forte e importante do amor e carinho que sinto pela Marina, com ela aprendi a ser mais humana.
      Beijos

      Excluir
  2. Ah que linda gente. Amo tudo que você escreve, mas quando fala de mim é uma alegria sem tamanho. Eu não imaginava que me notasse, embora eu lembre da primeira vez que te vi. Quando veio em uma jid cantar... era na quadra, vc lembra? E as meninas trouxeram você pra mim e me mostraram sua aliança e brincaram dizendo que não era só eu que tinha me amarrado cedo.rs Pensei, que máximo! Outra maluca rs. (Mal sabia eu o quão maluca....rsrs) talvez o que nos uniu foram os nossos pontos em comum, porque eu sei que não sou legal pra alguém querer ser minha amiga como vc descreveu rsrs. E se tem um ponto forte que é muito em comum nosso, é a chatice.rs
    Você chegou no momento exato. E dominou meu coração com a sua turma de super heróis por quem sou completamente apaixonada. E hoje sei que preciso de você e muito. Então faça o favor de ficar. Já que sou doente e tenho prioridades.rsrsrrsrrs
    E falando do texto. Morri de amor e de orgulho com a sua definição da EM. Que coisa mais linda ver você aprendendo sobre algo que até então era tão meu e você tornou tão nosso. Te amo não só por isso... mas por muitos outros motivos que nem suas oscilações de humor poderiam mudar.rs obrigada por ser você e por me tornar alguém melhor. Um beijo e um abraço de sufocar. E para de me fazer chorar.rsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu é preciso de você, mesmo mal humorada, cansada e na maioria das vezes estressada, e mesmo assim consegue ser a melhor pessoa do mundo.
      Te amo sem mais.

      Excluir

Germine aqui um pouco de amor. ♥