domingo, 21 de junho de 2015

FILME DE DOMINGO: UM DIA


Hoje quero dividir com vocês um dos meus filmes preferidos de todos os tempos.
Assim como a maioria dos filmes Um Dia é adaptação do livro de David Nicholls, mas esse aconteceu diferente. Não li o livro, conheci o filme primeiro e fiquei simplesmente apaixonada. Assisto ele pelo menos duas vezes por ano, sim sou dessas. 
Eu não sei se com todo mundo é assim, mas se assisto o filme primeiro simplesmente não consigo ler o livro, se for o contrário tudo bem.
Então vou falar sobre o filme, se alguém leu o livro e viu coisas diferentes pode comentar.


A história é sobre dois amigos que se conhecem com seus 20 anos assim que terminam a faculdade. Apesar de frequentarem a mesma faculdade eles só vão se falar no último dia, por causa de dois amigos em comum. Eles até tentam ficar juntos, mas percebem que não vai rolar, e resolvem apenas ser amigos.
Eles se conhecem em 1988, e  a partir disso o filme é contado uma vez por ano no dia 15 de junho no dia São Swithin, durante duas décadas. O filme mostra como está a vida dos dois nesta data, fala sobre seus amores, conquistas, derrotas, perdas e tudo o que acontece no cotidiano das pessoas.


Emma (Anne Hathaway) percebe que é apaixonada por Dexter (Jim Sturgess) ao longo dos anos. Mas não consegue se declarar, porque fizeram um pacto de só "amigos".  Emma tem o sonho de trabalhar com aquilo que gosta, mas acaba enfiada em um bar mexicano como garçonete e acaba se envolvendo com um cara que pensa ser humorista. Enquanto Dexter vai para Paris e leva a vida que aparentemente sempre quis, regado de noitadas, mulheres e mais mulheres.


Dexter é o tipo de cara que pisa na bola várias vezes, apesar de não assumir ele também sente que gosta de Emma, mas amá-la não esta em seus planos. O que me deixou com raiva diversas vezes não só dele, mas dela também foi que qualquer problema na vida dele ele ligava para Emma como se ela fosse sua tabua de salvação e claro ela sempre o correspondia, como se a vida dela girasse em torno dele.


Durante esses 20 anos os personagens se encontram algumas vezes. Mas se tiver esperando por aquele filme super romântico com muitos beijos e abraços sugiro que procure outro. Esse é mais realista, fala sobre nossas escolhas e como elas afetam nossas vontades. O final do filme foi difícil de superar, mas ele deu continuidade a realidade. 
Bom a dica desse domingo é essa, espero que gostem. E bom domingo.


























6 comentários :

  1. Preciso ver esse filme! Ainda não tinha visto nada sobre ele, mas já fiquei encantada, quero muito saber mais detalhes dessas duas decadas. Acho que vou ver o filme e ler o livro uhaha. Adorei a indicação!

    Beijos e também estava com saudades de ler os seus post <3
    www.umdiarioqualquer.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai que saudade te ver por aqui Vanessa, vida de gente grande não é fácil né?!
      Espero que esteja gostando do trabalho.
      E pra relaxar assisti sim, acredito que vai gostar muito Nessa.
      Beijos linda.

      Excluir
  2. Esse filme parece ser muito bom, não tinha ouvido falar muito dele, mas gostei do seu post. Tenho o livro, mas nunca li. Só que depois ver o seu post deu muita vontade de ler e ver o filme.

    Beijos:*
    Dani - http://www.escritasnachuva.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa Dani você tem o livro rs.
      Esse filme é meu xodó, impossível não assisti-lo sempre.
      Espero que goste tanto do filme quanto do livro.
      Beijos

      Excluir
  3. Eu sou apaixonada pelo livro, muito, muito mesmo. Foi uma história de amor que realmente mexeu comigo, até porque eu vivi um amor-amigo bem parecido e cada página eu me identificava mais com a situação, posso dizer que tudo que eu passei virou motivo para eu ter esse blog hahaha.
    O filme é ótimo, a única adaptação que atingiu as expectativas hahaha lindo para assistir aos domingos e chorar um tantinho <3
    Amei teu blog, tema super fofo, beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lígia.
      Puxa agora fiquei com vontade de ler o livro (isso quase nunca acontece), espero que a sua história tenha se saído melhor.
      Beijão e obrigada.

      Excluir

Germine aqui um pouco de amor. ♥